Marcia Coutinho
Márcia Coutinho, 33 anos mãe de três filhos, casada, cabelereira profissão há 16 anos, proprietária de um salão de beleza, especializada em extensão de cílios, design de sobrancelhas. Amo o que faço deixar as pessoas mais bonitas com a autoestima elevada e tudo pra mim. Sou divertida, comunicativa, brincalhona, bagunceira. Meu hobby e trabalhar dançar e me divertir. Amo viajar, adoro o mar praia sombra e água de coco. "Eu acredito que devemos ampliar essa inclusão e mostrar as diversas possibilidades de ser linda, amada e feliz. Quando uma mulher Plus size faz um ensaio fotográfico, é a maior prova de que as mudanças são possíveis e necessárias para que, daqui alguns anos, as meninas não sofram tanto por não pertencerem a determinado padrão de beleza”. Embaixo de cada face de mulher existe uma beleza escondida que só o amor-próprio e a autoestima são capazes de revelar. Mulheres poderosas sabem que lingeries adornam àquilo que elas têm de mais especial: a sua essência.
2021
Alexandra Santos -Rainha de Bateria X9 Paulistana
Alexandra exibiu seu porte elegante digno de uma Rainha, muito exuberante , simpática, e com sua humildade tradicional, sempre acompanhada de seu marido o empresário Victor Santos, muito prestativo e participativo durante todo o ensaio. O casal demonstrou muita cumplicidade , sincronia durante o ensaio. Segundo o fotografo Joao Belli ” Alexandra é o tipo de modelo que precisa de pouca orientação durante o ensaio fotográfico, me senti muito tranquilo em fotografar, ela faz a pose certa a cada foto no momento certo, uma mulher fácil de fotografar de uma elegância indescritível ela tem uma beleza única. ” Alexandra Santos : “Foi um dia muito especial, no início comecei tímida, mas o João Belli me deixou super a vontade, o maridão Victor Santos também participou , assim fiquei mais confiante. Resolvemos fazer as fotos para termos mais materiais nessa nova fase de rainha de bateria da X9 paulistana !!!! O resultado ficou magnífico , ficou melhor do que eu esperava , quando vi falei nossa … sou eu mesma kkkkk . Eu me senti mais mulher , mais confiante e poderosa !!!
2021
Cintia Mello Gravida
Durante o ensaio fotográfico com o fotografo João Belli, Cintia Mello foi entrevistada pelo nosso Site, confira a entrevista . Jobelliphotos: Como iniciou sua trajetória no samba? Cintia Mello: “Nasci em uma família de sambistas meu pai e minha mãe eram integrantes bem ativos na escola de samba Flor de vila Dalila, meu primeiro desfile foi na barriga da minha mãe.” Jobelliphotos: Quais foram as escolas que você participou? Cintia Mello: “Quando criança acompanhava minha mãe e minha irmã na Leandro de Itaquera , cheguei a desfilar em alas e na frente do carro ,também desfilei na frente da bateria da escola Dom Bosco , com 20 anos iniciei como passista da escola de samba Vai – Vai , após 4 anos resolvi buscar novos objetivos , fui para a Império de casa verde e lá tive o prazer de conquistar uma das coroas da corte do carnaval de São Paulo ,e também o título de musa do caldeirão do Huck e destaque de chão , logo em seguida recebi o convite para ser musa da bateria da Acadêmicos do Tucuruvi foi uma realização incrível , fui muito bem recebida por toda comunidade e em 2019 o tão esperado convite chegou fui coroada rainha da bateria do Zaca e permaneço no cargo .” Jobelliphotos: Qual a responsabilidade de ser citada como referência por várias passistas? Cintia Mello: “Responsabilidade grande, tudo o que aconteceu na minha trajetória foi natural sem atropelar e nem puxar o tapete de ninguém, não é fácil ser julgada o tempo inteiro, mas entendo que nós rainhas, negras e de comunidade somos exemplo, temos que ter responsabilidade em nossas ações, me sinto feliz em ser citada por todas elas isso significa que todos os meus esforços estão sendo reconhecidos e esse é o meu combustível.” Jobelliphotos: Como está sendo este momento da gravidez? Cintia Mello: “Na verdade, é uma explosão de sentimentos, estou muito feliz com a chegada da minha filha, sempre sonhei em ser mãe de menina e a Ana Laura veio como um presente. Fico preocupada também pois sei que tenho a missão de educar e empoderar uma mulher negra, pois sei das dificuldades e obstáculos que enfrentamos diariamente, na vida profissional, social e amorosa, quero ensinar a minha pequena que ela é capaz de conseguir o que quiser e ninguém poderá falar o contrário. Como estamos vivendo um momento de pandemia mundial é impossível não estar preocupada, estou me preservando ao máximo e esperando que tempos melhores venham.” Jobelliphotos: Como é ser bailarina de uma das maiores emissoras do Brasil? Cintia Mello: “Ser bailarina do programa do Ratinho no SBT é sinônimo de representatividade e em minha opinião isso é de extrema importância para que outras bailarinas negras consigam entrar para os ballets da Tv brasileira, tivemos uma crescente de negras na Tv mas ainda temos um caminho árduo para conseguir igualdade, agora estou afastada por conta da gravidez, mas amo estar naquela família, é um trabalho incrível e eu amo o que faço.”
2021
Nani Line - Anne Caroline
Anne Caroline dos Santos, 18 anos, modelo fotográfica e estudante de Direito. Anne é uma menina de grandes sonhos, pois trabalhar com imagem não é fácil, existem muitas críticas, mas o que ela mais almeja é que o mundo das modelos seja mais acolhedor, pois através desta profissão descobriu o amor próprio e aprendeu a representar um personagem ou mostrar que qualquer mulher pode vestir o que quiser!
2020
Anderson Tobias
Anderson Tobias, foi batizado no Candomblé-religião de matriz africana, nascido e criado na Cohab Cidade Tiradentes, extremo leste de São Paulo, teve seu primeiro contato e influência musical através do culto africano, pelos atabaques tocados no Xirê e as cantigas entoadas aos orixás. No gosto pelo futebol e pelas rodas de samba formadas habitualmente na Cohab, ainda criança teve contato com grades compositores das décadas de 1980 e 1990, como Almir Guineto, Bete Carvalho, Grupo Fundo De Quintal, Leci Brandão, Jorge Aragão, Zeca Pagodinho. Autodidata, toca pandeiro, repique, tantanzinho e instrumentos de percussão. Em 2014/2015 estudou Teoria Musical e Canto Coral na Ordem dos Músicos, em 2018/2020 Aula de Canto na escola Prana Arte e Equilíbrio e atualmente Teoria Musical, Piano e Canto Coral na Escola de Música Mara Nascimento.Conviveu e atuou musicalmente nos anos 2000 com os experientes Ney Silva, Mara Rubia, Deise do Banjo, Sussena e com incríveis músicos que se apresentavam no Bar Samba, reduto de samba paulista, ampliando seu repertório e conhecimento musical. Nessa sua rajetória grandes obras que lhe foram referências na sua carreira musical, e que ainda inspiram gerações e se apresentam atuais, como obras de Ary Barroso, Alcyr Pires, Baden, Davi Nasser, Adoniram Barbosa, Chico Buarque, Cartola, Dorival Cayme, Ivans Lins, Nelson Cavaquinho, Noel Rosa, Gonzaguinha, João Nogueira, João Bosco, Wilson das Neves, Yvone Lara, Luís Melodia, Luís Carlos da Vila, Pixinguinha, Zé Keti.Com esta influência e repertório versátil, Anderson Tobias vem conquistando espaço entre o público jovem e também o maduro, ambos exigente. Destacando o Sambas Tradicionais, de Amor, Melódico, Malandreado, e também vem investindo no Samba Bossa e Jazz.Sua versatilidade e trajetória permitem protagonizar a Roda de Samba “Quintal da Xika”, na Zona Leste de SP, trazendo sambas de raiz em diversos territórios e outros Estados.Lançou em 2019 um EP com 6 faixas musicais, com participação do trombonista Bocato que o apadrinhou neste trabalho, uma produção independente, que gerou a gravação de um DVD e recentemente em 2020, foi vencedor no festival virtual de Samba da Rádio digital Sampa, com a faixa “Vários Dons”, criando uma narrativa de registro consistente deste EP.
2020
Natanael Pretto
NATANAEL PRETTO Cantor compositor musico interprete de escolas de samba sambista. Figura conhecida nas rodas de samba abc ja se apresentou em varias casas de shows barzinhos na região roda de samba escola de samba vai-vai sp, barroca zona sul sp e imperador do ipiranga sp fez aberturas de shows pra grandes cantores famosos no mundo do samba. Entre rodas de sambas tambem ja cantou e fez parte de ala musical de varias escolas de samba do abc e sp: renascente de sbc ,estação primeira de baeta, camisa vermelha e branca,uniao das vilas, estrela maior interprete oficial ,pantera negra santo andre ,tradição de ouro santo andre,vila aliçe santo andre. interprete são jorge santo andre. Ala musical IMPERADOR DO IPIRANGA ,DOM BOSCO DE ITAQUERA, Foi interprete FLOR DE LIZ SP . cantor ACADEMICOS DO BUTANTÃ Cantor oficial na escola de samba ACADEMICOS DO ILÊ interior de SP . Músico na ala de compositores da escola de samba VAI-VAI e hj faz parte da ala musical escola de samba NENE DE VILA MATILDE faz shows com baterias shows e passistas do abc e sp : CONEXÃO SAMBA SHOW ,FUNDASAMBA , INOVAÇÃO SAMBA SHOW e muitas outras. Nascido em Ribeirão preto e criado em SBC abc paulista começou sua vida na musica aos 16 anos como ritmista de escola de samba no qual tocou em varias baterias do ABC E SP tambem .Hoje sua carrreira se divide entre RODAS DE SAMBAS e ESCOLAS DE SAMBA.Dinamico versatil extrovertido guerreiro. Nos seus shows consegui se diversificar varios estilos que faz com que seu publico ve hj aumentando cada dia.SuaS principais caracteristica : ALEGRIA, SIMPLICIDADE, COMPROMETIMENTO, DEDICAÇÃO HUMILDADE
2020
Gih Santos
"Desde que me conheço por gente meu sonho era desfilar no carnaval principalmente como passista sempre achei lindo o samba , as passistas, os brilhos e toda magia do carnaval. Minha grande oportunidade de ingressar no samba foi quando um colaborador no qual eu trabalhava que é da escola de samba vai vai o Tiago Cruz me indicou para a coordenadora da ala de passistas na escola Tom Maior no ano de 2019. Participei do projeto Sambosim onde a coordenadora Val Diniz hoje coordenadora da ala de passistas do Acadêmicos do Tucuruvi ministrava as aulas de samba para iniciantes e para quem queria aprimorar o samba no pé. Após o término da aula participei da audição realizada no dia 18/08/2019 , nunca vou esquecer essa data, além de ser a mesma data de aniversário da minha filha foi também o dia em que me tornei passista da escola Tom Maior e realizei meu grande sonho "❤️
2020
Mila Santiago
Ensaio com Mila Santiago, finalista do Concurso Garota Francamente Mila Santiago, 37 anos, nasceu no Carnaval, na Vila Carolina, depois me mudei para o Bom Retiro desfilou pelo Camisa Verde e Branco , Morro da Casa Verde e Zatrevidos. Executiva de Vendas e empreendedora de Cosméticos e Beleza, ama dançar e adora ficar na praia olhando o mar, Treina todos os dias para Aprimorar a forma física. “Não suporto pessoas de duas caras e irresponsabilidade e falta de comprometimento.”
2020
Nalim Maia
Nalim Maia, 21 anos, trabalha com Jobs publicitário e dança. Iniciou no Carnaval com 10 anos na Ala das crianças do Camisa Verde e Branco, passando pela Comissão de Frente e Ala de Passista. Atualmente pertence a Ala de Passista Rosas de Ouro, é destaque de carro da Lavapes Pirata Negro e Flor de Liz, Princesa de Bateria da Império Real. Em 2019 fez uma turnê de Dança na Turquia e também fez curso de Tearto na Escola de Teatro Macunaíma “Pretendo seguir a carreira da Dança e já tenho nova turnê internacional programada para o próximo ano.”
2020
Mary Ribeiro
Mariana Do Carmo Ribeiro, estudante e porta bandeira. Já participou de campeonatos de natação e cursos de informática, porém seu maior sonho sempre foi ser porta bandeira. Em 2016 teve sua primeira experiência com escola de samba Imperador do Ipiranga. No carnaval de 2017 já desfilou ate de como baiana e nesse mesmo ano começou o curso Amespbeesp. Em 2018 foi apoio do 1° casal da Escola de Samba Flor de Liz e em 2018, após uma audição na Escola de Samba Império Lapeano foi convidada a ser a 5° porta bandeira e neste mesmo ano galgou o posto de 3° Porta Bandeira , é 2° porta bandeira do antigo Valença atual Raízes do Samba. É porta Bandeira oficial da Escola de Samba Leões Da ZO, 2° porta bandeira da Escola de Samba Brinco da Marqueza.
2020
Jacy Oliveira
Jacilene de Oliveira Pereira, 34 anos mãe de dois filhos, ex nadadora profissional, Modelo da Grife @grafitum 1a Princesa de bateria da escola de Samba Vale Encantado, Musa do Bloco da Fumaça, passista da Escola de Samba da Acadêmicos do Tucuruvi, trabalha como Analista Administrativo, adora esportes radicais e atualmente esta cursando Faculdade de Educação física. “Sou uma mulher madura, determinada e destemida, sou uma pessoa que ajuda sempre a quem precisa, sou uma mulher que não tem vergonha de ser como eu sou, tudo que eu faço só diz respeito a mim rsss. Sou uma mulher poderosa que usa batom e salto alto e me orgulho muito desta mulher que me tornei. Eu gostaria muito, mas muito mesmo que as mulheres tivessem a minha visão simples ,determinada, destemida e sem medo de ser feliz .Sou o que sou e não vou mudar por ninguém , se um dia tiver que mudar será por mim e meus filhos.”
2020
Tatá Soares II
Talita Soares, mais conhecida como Tatá Soares, formada em Turismo e Pós-Graduada em Jornalismo Esportivo, trabalho como Consultora de Viagens. O Carnaval surgiu na sua vida em 2000, atrás da casa onde mora havia o barracão da escola de samba Salgueiro do Taí. “Sempre que podia dava uma espiada. Belo dia acredito que o vírus do carnaval (risos) tenha me tomado pois inventei de desfilar escondida da minha mãe. Não tem ninguém da família que seja do SAMBA, por isso eu sempre digo que fui infectada. Entre trancos e barrancos acabei desfilando naquele ano como componente de ala. Foi tão surreal aquela emoção, e desfilei por dois anos, infelizmente a escola encerrou as suas atividades.” Daí por diante só assistia aos desfiles pela TV, até que em 2009 através do convite de um amigo conheceu a Torcida Organizada Estopim da Fiel Torcida de Diadema, a princípio iria somente para me associar e unir meu o amor ao Corinthians. Através de um convite do presidente da época Rogério Maldonado (Bambu), desfilou como destaque de carro. Isso foi o start para o Carnaval, foi destaque por dois anos, após destaque de chão, tornando-se posteriormente Princesa da bateria. “Foram anos de muita dedicação e amor envolvidos.” Em 2015 conheceu a Barroca Zona Sul e se apaixonou logo de cara, entrou como passista, após composição de alegoria e em 2017 foi coroada Rainha da Bateria ostentando o posto por dois anos. No mesmo ano em que conheceu a verde e rosa foi convidada por um grande amigo, Everton Sousa hoje atual Vice-Presidente na GRES Império Real, para ser destaque de chão, na GRES Portela Zona Sul, devido ao seu carisma se tornou musa da bateria. No entanto no dia do desfile foi coroada como Rainha da bateria. “Foi uma grande experiência, no dia do desfile me tornei rainha, não tinha preparação alguma para tal cargo, mais consegui fazer um bom trabalho.” O mesmo Everton Sousa que a chamou para desfilar na Portelinha, fez o convite para ser passista na pleiteante GRES Império Real em 2017. “Foi muito gratificante, pois fiz história com essa escola em ser uma das primeiras passistas em seu primeiro desfile e hoje sou a Madrinha da Bateria. Escola que logo estará em meio a elite.” Como passista passou pelas GRES Unidos do Peruche e GRES Colorado do Brás. Atualmente é Princesa do Samba 2020 da UESP, Musa da Bateria na Escola de Samba Camisa 12, Madrinha da Bateria no Bloco Caprichosos da Zona Sul e Madrinha da Bateria da Império Real.
2020
Kelli Estevo
Kelli de Souza Estevo, 32 anos, servidora pública estadual, estudante de Engenharia Ambiental. Ama dançar desde pequena, há 11 anos procurou uma academia para aulas de Samba Rock, mas não conseguiu ficar em apenas um ritmo, fez aulas de dança de salão e vários outros tipos de dança. Participou de uma equipe de dança, atuando como dançarina e contribuindo nas coreografias. “Sempre frequentei ensaios de escolas de samba, acompanhava concursos de Côrte do Carnaval, porém não sabia qual caminho seguir pra fazer parte desse universo. Em 2016 tive minha primeira oportunidade no Carnaval como passista na escola de Samba Camisa Verde e Branco, onde permaneci por um ano e meio. No final de 2017 fui convidada para compor a ala de passistas da sociedade Rosas de Ouro. Hoje tenho a honra de integrar o time de show da escola. Cheguei a Escola de Samba “Só Vou Se Você For” e após iniciar minha preparação para o concurso miss Uesp. Fui muito bem acolhida pela comunidade e este ano fui agraciada com o convite de Rainha da Bateria para o carnaval 2021.”
2020
Marilene Zordenoni
Marilene Ferreira Zordenoni, Funcionaria Publica do Estado, formada em Historia e pos graduada em Historia, Sociedade e Cultura. Meia maratonista, amante de esportes, fa de Ayrton Senna, sua inspiracao para nunca desistir. Acredita na beleza da vida, na justica e na certeza que tudo passa e sempre havera um universo de grandes possibilidades. Sua vida eh guiada pela frase: "A paz do meu coracao eh o arbitro das minhas decisoes".
2020
Kyara Guimarães
Kyara Guimarães, formada em administração com ênfase em comércio exterior, bancária e viajante. Começou no carnaval em 2019 como passista de escola de samba Vai-Vai e atualmente na Barroca Zona Sul. “Sempre tive vontade de desfilar, por não conhecer ninguém e por uma série de complexos, achava que não teria condições de ser passista” em sua visão o carnaval foi libertador. “Desde que tomei a coragem de descer do ônibus e entrar sozinha uma escola de samba e perguntar como poderia ser passista, tenho coragem pra fazer qualquer outra coisa (risos). Pensei que meu maior desafio era ter feito trekking da Patagônia Argentina até a Chilena, porém tenta sambar na ponta dos pés (risos) o desafio é muito maior”. Até hoje faz aulas de samba duas vezes por semana pra aperfeiçoar e todos os dias samba das 22:00 até às 01:00hs. “Sou apaixonada pelo meu trabalho, pelas montanhas, praias, mas amor só conheci dois. Meu filho e o samba”.
2020
Adriana Burgos
Adriana é como um bom vinho suave, forte, intensa, de aroma e paladar gradável O silêncio, uma taça e uma garrafa de vinho são suas melhores companhias. As vezes ela some sem dizer uma palavra, desaparece sem dar notícias .Ela não sabe, mas quando desaparece deixa saudades. Adora estar sozinha em seus pensamentos.Gosta de tirar um tempo para si mesma, então neste tempo viaja em seus pensamentos e se perde completamente em suas emoções. Não se envolve fácil, prefere fugir de suas emoções e ficar distante de falsos amores porque já sofreu demais por eles,desconfiada esconde sua delicadeza ocultando assim sua fragilidade. Se perde em seu sofá e se esbalda em sua garrafa de vinho, sua taça está sempre cheia e deixa em seus lábios o gosto do desejo. Adriana é um vinho que excita, daqueles que te leva ao ápice prazer e ao máximo da loucura. É um vinho para homens de coragem pois terá que aguentar a forte ressaca que ela pode dar...
2020
Kakah Morena
Diante de discriminação, Kakah Morena faz história no carnaval de São Paulo e diz lutar pela inclusão de transexuais em altos cargos das escolas de samba.Transexual Kakah Morena, de 30 anos, ao longo de sua vida nas escolas de carnaval. Formada em dança, ela convive com o samba desde os seus dez anos de idade - quando ainda tinha um corpo masculino - e sempre sonhou em ser destaque nos sambódromos quando crescesse. "Eu ficava encantada com aquelas mulheres lindas, altas, na frente da bateria. Queria ser igual a elas, uma rainha", recorda. A esperança de Kakah nunca morreu, mas ela cresceu e começou a perceber que muitos não aceitavam vê-la ocupando o lugar de uma mulher cisgênera (que nasceu com o sexo feminino).Mesmo assim, a dançarina venceu o preconceito e foi convidada pela Imperador do Ipiranga, da capital paulista, para ser rainha de bateria no carnaval deste ano, após ser rejeitada por algumas outras agremiações. Ela será a segunda mulher trans a ocupar o cargo na história do carnaval da cidade. A primeira foi Camila Prins, pela Camisa Verde e Branco, em 2018.O diretor de carnaval da Imperador do Ipiranga, Márcio Telles, explica que coroar Kakah Moreira foi uma maneira de valorizar a qualidade artística dela e homenagear o grande público LGBT que ajuda a escola."Temos muito respeito por essas pessoas. Sem elas, essa festa não existiria", diz. "As escolas de carnaval precisam ser abertas a todos. Elas são do povo, então temos que trabalhar o lado social", completa.
2020
Dayane Pontes II
Dayane Pontes, 32 anos, Estilista. No carnaval 2020 virá ao seu 3 ano como Rainha de Bateria da escola de Samba Dragões de vila Alpina e também será a sua estreia na escola de samba Flor de vila Dalila como Madrinha de Bateria. "Estou sonhando acordada eu sempre acreditei em mim, sempre fiz o meu melhor onde coloquei meus pés. Ganhei mais um presente no carnaval 2020 e com muito respeito e humildade levarei meu samba de corpo e alma."
2020
Weel Black
Wel Black Africanidade!!! “Tudo começou por uma idéia , pois venho de uma família de origem africana e de artistas. Meu pai músico e compositor de samba enredo e minha mãe mulata e porta bandeira. Afro sempre foi forte dentro de mim, entretanto tive uma oportunidade em participar de um grupo de afro pelo qual, comecei como aluno e logo formamos um grupo. Sou passista show, porém no afro vou expandindo meu conhecimento, e cada vez mais tenho a certeza que nasci para a dança, pois através dela e das confecções de vestimentas Africanas de minha autoria procuro mostrar a cultura e costumes da minha origem. Enfatizo sou negro , tenho raça, força e acredito que somos todos irmãos.” Well Black
2019
Tata Soares
Talita Soares, (Tatá Soares), formada em Turismo e pós graduada em Jornalismo Esportivo, hoje é Consultora de viagens. O Carnaval surgiu em sua vida em 2000, onde na rua atrás de sua casa havia o barracão da escola de samba Salgueiro do Taí, sempre que podia dava uma espiada. Belo dia o vírus do carnaval (risos) tomou posse e foi desfilar escondida da mãe. “Não tem ninguém da família que seja do SAMBA, por isso eu sempre digo que fui infectada”, entre trancos e barrancos desfilou naquele ano como componente de ala. Foi tão surreal aquela emoção, desfilou por dois anos, infelizmente a escola encerrou as suas atividades. ,“ Ainda me lembro de um trecho do samba, A Taí chegou oh oh oh , pra levantar o seu astral Que legal, desfilando na avenida com as 7 maravilhas vem trazendo alegria) (risos), “ Daí por diante só assistia aos desfiles na TV. Até que em 2009 através do convite de um amigo foi conhecer a Torcida Organizada Estopim da Fiel Torcida de Diadema, a princípio foi somente para me associar e unir meu o amor ao Corinthians. Através de um convite do presidente da época Rogério Maldonado (Bambu), desfilei como destaque de carro. Isso foi o start para o Carnaval, foi destaque por dois anos, tornando Princesa da bateria, foram anos de muita dedicação e amor envolvidos. Em 2015 conheceu a Barroca Zona Sul, começou como Passista , composição de alegoria finalmente em 2017 da Rainha da Bateria., “ Onde permaneci por dois anos de pura felicidade., “ No mesmo ano foi convidada por um grande amigo Everton Sousa hoje atual Vice Presidente na GRES Império Real, para ser destaque de chão, na GRES. Portela Zona Sul, devido ao seu carisma foi musa da bateria e consagrada Rainha da Bateria no dia do desfile. , “Foi uma grande experiência, no dia do desfile me tornei rainha, não tinha preparação alguma para tal cargo, mais consegui fazer um belíssimo trabalho., “ O mesmo Everton Sousa, convidou para ser Passista na Pleitiante GRES Império Real e hoje é Madrinha da escola. Passou pelas Agremiações, GRES Unidos do Peruche e GRES Colorado do Brás.
2019
May Afonso
Mayara Afonso mais conhecida como May Afonso, 25 anos de Santo André ABC Paulista. Prática musculação, modelo fotográfica ,dançarina e cabeleireira. Começou sua carreira no carnaval em 2014 e conquistou os cargos de Rainha,Princesa,Madrinha e Musa de bateria no carnaval de SP. Seu último carnaval foi a frente da Bateria Tudo Nosso na Barroca Zona Sul , onde se dedicou e honrou seu pavilhão durante 2 carnavais. Em 2019 fez a sua primeira viagem internacional como bailarina onde se expandiu a sua visão e conhecimento profissional na dança, quer investir em sua carreira internacional conquistar seus objetivos e sonhos na arte da dança.
2019
Andressa Alves
Andressa Brito Alves,25 anos, formada em Educação Física, amante da dança e esportes, pratica musculação desde os 16 anos, e sua segunda paixão é o carnaval, passista da escola de samba Águia de Ouro, já foi passista da Barroca zona sul onde carrega um carinho imenso pela comunidade verde e rosa. Andressa no início estava tímida, encarava a lente com timidez, uma mulher de olhar e sorriso perfeitos, foi se soltando a cada click e no final estava tão a vontade diante da câmera que parecia que eram amigas e confidentes, uma modelo de maquiagem simples mas de uma beleza natural que pode ser conferida em cada foto, fotografar Andressa foi como fotografar a natureza bela pura e sem retoques. Uma frase que me define Andressa: "Os contidos que me perdoem, mais eu nasci pra ser intensa."
2019
Cíntia Mello- Parte II
Rainha de Bateria da Escola de Samba "Acadêmicos do Tucuruvi" Bailarina no programa do Ratinho no SBT e participa do bale no programa ding dong na Rede Globo-Carnaval 2019
2019
Fernanda Lima
Destaque da escola de Samba Colorado do Brás -Carnaval 2019
2019
Debora Witzel
Débora é uma linda mulher que parecia estar um pouco envergonhada com a câmera. Débora é mulher ,moleca que sabia ser fotografada, mas não sabia disso. Ela encarava a câmera como poucas eu já vi encarar. Esta linda mulher que “cresceu” na frente das lentes. vou sempre lembrar que um dia fotografei uma linda mulher, que era extremamente educada e simpática,moleca,menina,mulher. Então neste dia fotografei a Debora Witzel Passista da Escola de Samba " X9 Paulistana" e Destaque da escola de Samba "Independente Tricolor" Carnaval 2018/2019
2019
Niver Sofia - 1 Ano
Hoje quero agradecer aos pais da menina Sofia, pela oportunidade única de participar deste momento que é único e especial na vida de vocês. Sim! cada criança que fotografo eu conheço um pouco da história de cada um. Me sinto parte disso tudo. Me pego pensando nessa crianças daqui a dez anos vendo minhas fotografias com sua mamãe papai e familiares e se sentindo maravilhados com suas expressões quando pequenos.
2018
Niver Valentina - 1 Ano
Obrigada pelos sorrisos e pelas poses! Por terem apreciado e confiado em meu trabalho! Por deixar eu contar um pouquinho da história de vocês e assim fazerem parte da minha história. Que a vida seja cheia de bons momentos para serem fotografados! Um beijo!
2018
Nete Salmah
Destaque das Escolas de Samba "Colorado do Brás" e Torcida Independente Tricolor" Carnaval 2018;2019
2018
Dayane Pontes
Rainha de Bateria da escola de Samba "Combinados do Sapopemba" e Passista da escola de Samba "Gavioes da Fiel" Carnaval 2018/2019
2018
Cíntia Mello- Parte I
Rainha de Bateria da Escola de Samba "Acadêmicos do Tucuruvi" Bailarina no programa do Ratinho no SBT e participa do bale no programa ding dong na Rede Globo
2018
Back to Top